• Concerto Wu Tiao Ren

    On: 08/21/2019
    In: Concertos
    Views: 0
     Like

    Festival This is My City apresenta o concerto Wu Tiao Ren

    8 de Setembro 2019

    18:00h

    Oficinas do Convento

     

    PrintWu Tiao Ren

    Em 2008, três habitantes de Haifeng, um bairro da cidade de Shantou, na província de
    Guangdong, juntaram-se e formaram a banda Wu Tiao Ren. A estes viria a juntar-se um
    baterista e desde então este quarteto não parou de tocar. Amao e Renke lideram a banda
    e cantam no dialeto de Haifeng e em mandarim.
    As suas composições versam sobre as vidas de marginais na China: um voyeur solteirão
    que passa horas a ver operárias a entrar e sair de fábricas, um ciclista que passeia um
    porco, um vendedor de divisas no mercado negro, um jovem revolucionário de Haifeng
    assassinado por Chiang Kai-shek em 1929.
    Marcado pela influência da ópera local e canções de pescadores, a sonoridade desta
    banda chinesa incorpora ainda gravações das ruas da cidade, buzinas de autocarros,
    ruídos de motorizadas e encenações de discussões entre vizinhos.
    “As canções devem muito ao folk rock dos compatriotas das grandes metrópoles do
    Norte, dominantes na cena underground chinesa. Contudo, o acordeão de Renke invoca a
    verve preguiçosa do sul subtropical, enquanto cada refrão é cantado com uma convicção
    que os afasta da melancolia dos cantautores de Pequim. Os roqueiros do Norte gravitam
    para Pequim a partir das paisagens do deserto de Gobi ou das pradarias da Mongólia
    Interior, terras duras e com clima rigoroso. Os hinos cantados pelos Wu Tiao Ren são
    solarengos e os temas mitológicos do litoral conjuram um mundo de deuses do mar e
    pescadoras quixotescas”, escrevia o The Wire, a propósito da banda chinesa.
    É a segunda vez que a banda chinesa atua fora da Ásia, após uma primeira experiência
    em São Paulo, Brasil, no final de 2018, também promovida pelo TIMC.

     

     

     

     

     

     

    This is My City

    O festival This is My City nasceu em Macau, em 2006, mas redesenhou-se anos depois e
    deu os primeiros passos para integrar o Delta do Rio das Pérolas numa rede criativa,
    promovendo a cultura lusófona na região. Em 2018, o TIMC teve lugar em Zhuhai, Shenzhen, Macau, e terminou em São Paulo, Brasil. Este ano, o TIMC estende-se a
    Portugal.
    O cofundador do TIMC, Manuel Correia da Silva, afirma que a ideia de expansão a Portugal surgiu na sequência de um convite da Casa da Música, no Porto. “Achámos que
    seria um ótimo pretexto para, pela segunda vez, voltar a Portugal, de uma maneira mais graúda e sólida, com a banda Wu Tiao Ren e o projeto NOYB, e com um programa mais alargado de datas onde poderíamos estar presentes”, destaca, acrescentando: “As expectativas são bastante altas, porque acreditamos que o formato que vamos apresentar e os sítios podem garantir um maior alcance em termos de audiência, mas também uma melhor experiência para os artistas convidados que vão estar envolvidos nesta tour.”

    + informação
  • Concerto Hear and Now

    On: 08/21/2019
    In: Concertos
    Views: 0
     Like

    Concerto Hear and Now com Luz Prado e Wade Matthews

    24 de Setembro 2019

    22:00h

    Oficinas do Convento

    hear_now_TOUR_CONVENTOHear and Now é um laboratório, uma investigação, uma exploração. Às vezes uma explosão, outras vezes, apenas uma insinuação efémera. Mas que um som escutado, é uma escuta que surge em murmúrio, trovão, silêncio.

    Luz Prado e Wade Matthews constituem Hear and Now, ou talvez seja melhor dizer que ainda o estão a construir, porque nada está finalizado: nem Luz, nem Wade, nem Hear and Now. O projecto não é um produto mas sim um processo, e sobretudo, um processo em processo, um proteico que atravessa o aqui e agora com a sua escuta e, às vezes, com o seu sonhar. É exactamente isso, esse fluir, que partilham com o público. Não é um presente, e não é fácil. Partilhar vislumbres nunca é.

    Vídeo

     

    Wade Matthews – computador
    www.wadematthews.info

    É doutorado em composição e electroacústica pela Columbia University de Nova Iorque. Como escritor, Matthews coordenou artigos para a Revista de Occidente e Doces Notas e publicou na La Balsa de la Medusa, mais de onze publicações da História da Música de Deutsche Grammophon.

    Vive em Madrid, onde coordena o ciclo de concertos de música improvisada ¡Escucha! no espaço CRUCE: arte y pensamiento contemporáneo.

    Nascido em Franca, de pais norte-americanos, Wade cresce em cinco países antes de se mudar para os Estado Unidos da América para realizar estudos avançados em composição musical e electroacústica em Nova Iorque. Em 1989, intala-se em Madrid, onde começa a sua carreira artística como improvisador. Desde aí, deu concertos em festivais e ciclos em mais de 20 países da Europa, Américas, África e Médio Oriente.

     

    Luz Prado -violino
    www.luzprado.com

    Violinista e improvisadora. O seu trabalho parte de um diálogo constante com o violino e tem como base o espaço e a dialéctica do processo próprio da improvisação livre. Nos últimos anos, desenvolveu projectos com dramaturgos, coreógrafos e performers que ampliam as dimensões do seu próprio escutar, gerando novas linhas de trabalho em torno do teatro.

    Desde o seu encontro, em Novembro de 2016, graças ao programa da AMEE para Novos Criadores, tem a sorte de partilhar projectos com Wade Matthews.

    Também faz parte do <i>El Triángulo</i>, um projecto educativo sobre a escuta do CA2M, e colabora com artistas como Nilo Gallego, Silvia Zayas e Elena
    Córdoba.

    + informação
  • Pre0cupada Programa Completo

    Pre0cupada 2019

    De 12 a 21 de Julho 2019

    Montemor-o-Novo | Casa Branca

     

    O evento Pre0cupada propõe “ocupar” e dinamizar a cidade de Montemor-o-Novo e a localidade de Casa Branca, com novos e diferentes projetos nas mais variadas áreas de criação artística contemporânea, trazendo para o exterior o legado da Oficinas do Convento.
    Pela primeira vez, o evento rompe com os limites da cidade de Montemor-o-Novo! Casa Branca está em destaque nesta edição devido ao seu potencial. Uma antiga aldeia ferroviária, localidade estereótipo da desertificação do Alentejo, com estruturas, escolas e casas desabitadas, com ligação a Lisboa, Évora e Baixo Alentejo, e num concelho com massa crítica disposta a construir um centro de criação. Este é o mote para este evento que agora se reinventa.

     

    Programa completo:

    Montemor-o-Novo

    2web12 de Julho:

    Oficina de Streaming

    Oficina de Videomapping

     

    13 de Julho:

    Siga! Oficina de Placas de Sinalização

    Exposição OCT 2018-2019

    Concerto Mazarin

    Concerto Don Pie Pie

    Performance DJ/VJ Fiestaylers

     

    De 15 a 19 de Julho:

    Oficina Instrumentos Utópicos

     

    Casa Branca

    1web

    18 de Julho:

    Cinema Heritales – International Heritage Film Festival

    19 de Julho:

    Oficina Serigrafar um Livro

    Acção + Exposição O Desenho nas Paredes

    Inauguração da Exposição Não Há Casos em Branco

    Concerto Toma Lá Jazz!

    Oficina Construir um Formigueiro

    Acção + Exposição Wearing Bricks – A Body Landscape

    Concerto Ruído Vário

    Concerto Montanhas Azuis

    20 de Julho:

    Oficina Serigrafar um Livro

    Oficina Próxima Paragem: Casa Branca

    Conversas à Volta da Sustentabilidade

    Jogos Tradicionais pela Associação de Amigos Unidos pelo Escoural

    Oficina Desenhar com a Fuligem

    Concerto Royal Bermuda

    Concerto La Miseria Deluxe

    Concerto João Berhan

    Concerto Rosa Mimosa y sus Mariposas

    Performance Dj Selecta Alice

    21 de Julho:

    Círculo de Ideias para Casa Branca

    Concerto Bantabaa

    Concerto Adufe Lisboa

    Exposições Permantes

    expoCB

    + informação
  • Mazarin

    On: 06/26/2019
    In: Cidade Pre0cupada, Concertos
    Views: 0
     Like

    Concerto Mazarin

    13 de Julho | 22:00h

    Montemor-o-Novo

    Convento de S. Francisco

    mazarinDo hip hop ao jazz, das bandas sonoras de videojogos ao cancioneiro revolucionário português, o grupo continua a mostrar que o talento individual encontra par numa versatilidade que deixa em aberto a extensão da sua identidade.

    + informação
  • Don Pie Pie

    On: 06/26/2019
    In: Cidade Pre0cupada, Concertos
    Views: 0
     Like

    Concerto Don Pie Pie

    13 de Julho | 23:00h

    Montemor-o-Novo

    Convento de S. Francisco

    donpiepieFormam um trio guiado pelas desafiantes combinações infinitas da música, sempre com partida na boa disposição. Na sua génese está o amor pelo rock, daquele efervescente e em crescente progressão. O som é disparado à velocidade da luz e em direções incertas, outras vezes, é lançado com delicadeza e em doses bem servidas (tudo isto a acontecer na dinâmica de uma só música). Os instrumentais que DPP constroem são permeáveis ao que cada um dos membros consome: sejam os ritmos quentes do afrobeat ou a mecânica dos beats eletrónicos, há sempre espaço para alimentarem as suas criações com as mais recentes descobertas sonoras sem deixarem nada de lado no prato

    + informação
  • DJ/VJ Fiestaylers

    On: 06/26/2019
    In: Cidade Pre0cupada, Concertos
    Views: 0
     Like

    Performance DJ/VJ Fiestaylers

    13 de Julho | 00:00h

    Montemor-o-Novo

    Convento de S. Francisco

    djfiestaylersOs tambores soam. É o chamado à vida, à caça, à festa, à reunião do passado e ao presente do som da vida, dos ritmos ancestrais da África à grande cidade, o ritmo frenético
    da luta do dia. dia, de cada noite, a luta dos desejos.
    Os Fiestaylers propõem uma jornada musical através do tempo, a geografia dos discos da música negra e suas influências em todo o mundo.
    Prepara-te para curtir, dançar e encher o ambiente com ritmo

    + informação
  • Toma Lá Jazz!

    On: 06/26/2019
    In: Cidade Pre0cupada, Concertos
    Views: 0
     Like

    Concerto Toma Lá Jazz!

    19 de Julho | 18:00h

    Casa Branca

    Escola Primária

    tomalajazzToma Lá Jazz! , é nome do combo da Associação Ofício das Artes – Escola Profissional de Montemor-o-Novo, formado pelos alunos do 1º do Ano Curso Profissional de Instrumentista de Jazz.

    Este concerto visa a criação e promoção da música jazz a novos públicos e a oportunidade deste combo de alunos realizar concertos ao vivo.

    A Ofício das Artes – Escola Profissional de Montemor-o-Novo, iniciou o seu trabalho em 2015 e desde aí tem sido representada pelos seus alunos nas mais diversas iniciativas a nível local e nacional.

    Os músicos ocupam o palco e em pleno Alentejo, o Jazz acontece!

    + informação
  • Ruído Vário

    On: 06/26/2019
    In: Cidade Pre0cupada, Concertos
    Views: 0
     Like

    Concerto Ruído Vário

    19 de Julho | 22:00h

    Casa Branca

    Palco Freixo

    ruido-varioVárias são as vozes do poeta, juntá-las às nossas no coro. Ouvir o ruído que resulta, cantar sobre ele. Buscar, entre seus sons de relógios, sinos, da chuva e das mesas no café ao lado, um hálito de música. Impregná-lo nas palavras de Pessoa.

    A convite da Casa Fernando Pessoa, Luca Argel e Ana Deus concebem e montam, pela primeira vez, o espectáculo Ruído Vário, em 2017. Desta parceria surgem 15 canções inéditas, escritas quase todas, sobre textos do Fernando Pessoa ortónimo, que logo ganharam edição em formato audiolivro (A Boca, 2018).

    Ao vivo, as vozes de Ana e Luca transformam e actualizam a importância do génio de Pessoa, passando por diversas de suas facetas, da solenidade trágica ao escárnio humorístico, sempre acompanhados pela guitarra e por ruídos e imagens projectadas que nos introduzem na atmosfera de cada um dos poemas.

    + informação