• THROUGH THE MIRROR – Katie Lagast and Marta Castelo

    On: 03/20/2017
    In: Exposições, OCT
    Views: 0
     Like

    A Katie Lagast e a Marta Castelo tiveram uma exposição na Woot – Antuérpia onde usaram os Tijolos do Telheiro da encosta do Castelo.

    Veja aqui um artigo sobre a Exposição

    Katie Lagast and Marta Castelo in WOOT

    THROUGH THE MIRROR

    Anyone exploring the works of Katie Lagast (°1967, BE) and Marta Castelo (°1980, PT) will immediately be struck by the ways each embraces the medium of ceramics.

    Lagast uses it to capture the urban area around her; a drain cover, a part of a cobblestoned street or a concrete traffic barrier on the road. Castelo, for her part, builds objects and installations that reference architecture. Working together for the very first time they have created a site-specific work for (Woot), an art space based in Luchtbal, a neighbourhood in Antwerp (B).

     

    Anne-Marie Poels

    The exhibition space (Woot) is situated on a street corner, with two large windows one on each side and an entrance in the middle. The space is an almost a perfect copy of Castelo’s atelier in Lisbon (P). Lagast explains: “This was such an exceptional coincidence that we decided to work with these parallels between the two locations.” They initiated the work in Castelo’s studio and continued for five more days at (Woot). They thus established an architectural installation that refers not only to the working space in Lisbon but also to the environment of (Woot).

    On a bed of sheets of paper, a stack of unfired bricks has been build. Some have rounded corners, others are rectangular in shape like house bricks, a few have geometrical forms such as cylinders. Most of the stones are cement gray in colour – this is the colour of the clay, which has been excavated at Montemor-O-Novo (P) and used for traditional handmade bricks fired in the local brick factory. “Oficinas Do Convento”, a residency for contemporary artists where Castelo introduced Lagast, works in collaboration with this factory.

     

    Tiled Floor

     

    The pattern formed by the tiles on the floor of Castelo’s studio space was the starting point for this installation. The shape and the dimensions of the rounded-cornered stones are based on the pattern in reverse. The bricks were made with wooden moulds, but Castelo also modelled some objects by hand, including the small the triangular one. The structure can be seen as an inversion of the floor but is not an exact copy of it: it looks as if a landscape has been created using the ceramic elements, perhaps a cityscape with high and low-rise buildings, a higher cylindrical form as a landmark in the middle; perhaps a factory.

    Alice in Wonderland stepped through the looking glass to find a world of pure fantasy. In real life, the mirror shows us images which are both a reflections and interpretations. We look through a mirror to see the fantasy world Castelo and Lagast have created.

     

    Grid

     

    The space and environment of (Woot) is also integrated into the work. The white painted shapes on the wall are based on the lines formed by the sun entering the room during the working process. The grid on the paper floor is made up of lines referencing the pavement outside. This paper floor is cut out on one side and taped together on the other side. A strange anomaly is apparent in the pavement a little before its curve. These peculiarities that often appear in the work of Lagast. She turns the irregularity of a row of cobblestones on the street, for example, into a work of art. This type of interaction can also be found in the work of Castelo, Lagast explains: “She is always accurate in looking for lines and references when she works site-specifically. She integrates them very precisely into her work.”

    ‘Mirrored Spaces’ unveils to the public what both artists have in common: they start with a thorough investigation of the world around them, both being gifted with a particularly keen eye. The result is a magnificent and modest artistic experience. We can only hope that it has not just been a one-off collaboration.

    + informação
  • Regular Line – Catalogo 2016

    On: 12/19/2016
    In: Exposições, Residências
    Views: 0
     Like

    No âmbito da Cidade Pre0cupada 2016, aconteceu a residência Regular Line – Uma residência artística anual que conta com a participação de artistas e designers em maioria eslovacos residentes fora do país.

    Seis eslovacos e um artista checo que trabalharam, colaboraram e viveram em Montemor-o-Novo durante duas semanas foram selecionados através dum convite aberto, considerando a atmosfera, condições e possibilidades técnicas da Oficinas do Convento e toda a cidade de Montemor-o-Novo.

    Catálogo da exposição final da Residência em Montemor-o-Novo

    Artistas participantes:

    Katarína Huda?inová
    Matúš Lelovský
    Viliam Slaminka
    Ján Kostolanský
    Tomáš Roubal
    Dominik Hlinka
    Oto Hudec

    + informação
  • Papeis Orientados

    On: 11/10/2016
    In: Exposições, Residências
    Views: 0
     Like

    Papéis Orientados
    Nelson Duarte, Hugo Oliveira, Rita Senra e João Trindade

    Residência: 21.11 a 4.12 / Oficinas do Convento – Montemor-o-Novo

    Open Studio: 03.12 / Oficinas do Convento – Montemor-o-Novo

    Exposição Final: 06.01 a 25.01 / Maus Hábitos – Porto

    Papeis Orientados2-01Partindo de um interesse particular sobre papel enquanto matéria de criação, a Saco Azul lança este ano o projeto Papéis Orientados que conta com uma residência organizada em parceria com as Oficinas do Convento, para qual convida 4 artistas a explorarem as realidades simbólicas e físicas do papel.

    Pretende com este projeto que o percurso e história de exportação e importação cultural do papel entre o Oriente e Ocidente, e as suas aplicações tanto na arte popular como erudita sejam reflectidas através de propostas artísticas que abordem o papel não só como um suporte em branco, mas como um meio de criação historicamente basilar. Um meio transversal no tempo e espaço da arte, acessível, democrático e consagrado, símbolo de simplicidade, minimalismo e partilha de ideias.

    Os trabalhos realizados em residência e apresentados a 3 de Dezembro em Montemor-o-Novo irão integrar, juntamente com outros convidados, a exposição Papéis Orientados que irá decorrer de 6 a 25 de Janeiro no Maus Hábitos.

    sacoazul.maushabitos.com

    trindadejoaopedro.tumblr.com

    cargocollective.com/hugooliveira

    cargocollective.com/nelsonduarte

    ritavilasboasenra.tumblr.com

    + informação
  • MONTANIA Exposição

    On: 10/14/2016
    In: Exposições, Residências
    Views: 0
     Like

    MONTANIA

    Exposição de esculturas sonoras de Lolo&Sosaku

    15 de Outubro – 18:30 – Galeria Municipal

    montaniaLolo&Sosaku foram os convidados de 2016 para a Residência Internacional de Sonoscultura promovida anualmente pela Oficinas do Convento.

    A residência aconteceu de 15 de Setembro a 15 de Outubro no Convento de S. Francisco e culmina agora com um momento expositivo do trabalho desenvolvido durante o mês de residência.

    Lolo (Leonardo Fernández de Miyazaki, nasceu em 1977 em Buenos Aires, Argentina) e Sosaku (Sosaku Miyazaki de Fernández, nasceu em 1976 em Tokyo, Japão) conheceram-se em 2004 em Barcelona.

    Desde então tornaram-se inseparaveis e começaram a trabalhar em dupla – Lolo & Sosaku.

    No início, trabalhavam numa ampla gama de expressões artísticas, como pintura, escultura, street art e video art. Em 2005 a dupla começou a concentrar-se numa investigação intensa e experimental de música e som lançando dois albuns “First Album” (2008) e “Light – Night” (2009).

    A mesma epoca, Lolo & Sosaku começaram a inventar e esculpir seus primeiros instrumentos compostos de madeira, cordas de nylon, pesos de chumbo e outros materiais, na sua maioria, reciclados, com o fim de criar um novo tipo de música. Os instrumentos funcionam pelo mecanismo de pêndulo, ou através da utilização de outros elementos como paus, que são utilizadas pelos próprios artistas.

    Ver alguns exemplos de residências am anos anteriores aqui e aqui.

     

    + informação
  • Exposição “SOLOS DO MEU CONCELHO”

    On: 09/12/2016
    In: Exposições, Noticias, OCT, Oficinas, Projectos
    Views: 0
     Like

    A exposição “Solos do meu Concelho” esteve em exibição na Feira da Luz/Expomor de 31 de Agosto a 5 de Setembro. Esta exposição foi o resultado de um projeto pedagógico desenvolvido durante o ano lectivo de 2015/2016 pelas turmas do 1º ciclo (1º, 2º, 3º, 4º ano) e jardins de infância das freguesias e cidade de Montemor-o-Novo (Ciborro, Cortiçadas de Lavre, Escoural, Foros de Vale de Figueira, São Cristóvão, Silveiras, EB1 nº1, EB1 nº2 e EB1 nº3, S. Mateus); destinou-se também às turmas do 5º e 6º ano da escola EB23 de S. João de Deus.

    Este projeto contou com a colaboração dos formadores da Oficinas do Convento Ana João Almeida (ceramista); Catherine Henke (artista plástica) e Tânia Teixeira (arquiteta)

    No âmbito do projeto foram realizadas visitas de campo com o objectivo de aprender o que é o barro, como se formou na natureza e como o encontrar no campo. Ensinou-se os alunos a transformar esta matéria numa pasta modelável, a fazer amostras e descobrir as várias formas e técnicas que se podem realizar em lastras. Foram também realizados jogos de experimentação intuitiva e sensorial.

    Fotografias: Município de Montemor-o-Novo

     

    + informação
  • Left Hand Rotation

    On: 07/13/2016
    In: Cidade Pre0cupada, Exposições
    Views: 0
     Like

    Inauguração exposição “LUGARES DE LISBOA PUNTO DE DESAPARECER – Gentrificação: Colonização Urbana e Instrumentalização da Cultura 1″, colectivo Left Hand Rotation
    13 julho | Galeria Municipal| 21:30

    lugares

     

     

    + Left Hand Rotation +

    + informação
  • TURDORODABOTAFORA

    On: 07/02/2016
    In: Cidade Pre0cupada, Exposições
    Views: 0
     Like

    Exposição TURDORODABOTAFORA
    6 julho | Galeria Municipal | 21:30

    oficina araraA Exposição TUDORODABOTAFORA resulta da oficina homónima que acontece no âmbito da Cidade Pre0cupada nos dias 2 e 3 de Julho que conta com a orientação da Oficina Arara. Contará com posters e ilustrações realizadas por diversos autores no âmbito da Oficina.

    + Oficina Arara +

     

    + informação
  • Secret Garden

    On: 06/27/2016
    In: Cidade Pre0cupada, Exposições
    Views: 0
     Like

    Inauguração do Mural Secret Garden de Nuno Alecrim
    1 julho | Convento S. Francisco | 21:30

    secret garden“Alecrim, um mundo de elementos, padrões e formas. Uma estética universal, aberta para a imaginação de cada um.”

    Formado em design gráfico de comunicação, foi desde novo que tomou contacto com as artes.

    Sua inspiração vem de elementos da natureza que encontra fora dos grandes centros urbanos e de contactos com novas culturas. Texturas e padrões são o seu foco principal.

    No seu trabalho usa varias técnicas, pintura, serigrafia, caligrafia, linogravura, gravura em madeira, stencil, land art…

    É com estas técnicas que nos últimos anos tem desenvolvido, padrões em têxteis, papel e mais recentemente em suportes de maior dimensão, telas e murais.

    + FACEBOOK +

    + INSTAGRAM +

    + informação