• Residência Artística “Pré-Histórias Queers”

    On: 05/04/2021
    In: OCT, Residências
    Views: 0
     Like

    O artista Pedro Queirós consagrou-se o grande vencedor do Concurso de Residências Artísticas Tradição><Contemporâneo com o projecto “Pré-Histórias Queers”. Esta residência vai ser desenvolvida na Oficinas do Convento durante os meses de Julho e Agosto de 2021.

     

    img35É conhecido e assumido nos tempos presentes, que desde o inicío da civilização ou de uma história do Homem, que as narrativas queer e o seu património cultural tem sido invisibílizados ao logo dos séculos. Ou, quando não o são, são assimilados por estruturas de poder vigentes, retirando destas narrativas as qualidades alvo de interesse, recolocando-as em outros contextos normativos de interesse a estas estruturas, esvaziando assim a origem destas mesmas narrativas.

    Este projecto artístico, prende-se com esta invisibilização e assimilação que continua em acção nos tempos decorrentes, e que cada vez mais, através de outras áreas do conhecimento de investigação, tem-se vindo a descobrir em como existiu desde sempre, desde que se conhece o Homem. Mais especificamente e em concreto, o foco do pensamento artístico deste projecto, sinaliza-se num período de uma Pré-História, mais concretamente ainda, entre período que engloba o Paleolitico, Neolítico e o Calcolítico, na área do Alentejo, das antas e menires de Montemor-o-Novo às de Castelo de Vide, onde os achados arqueológicos encontrados nestas construções megalíticas conduzem-nos hoje para um melhor conhecimento destas civilizações passadas. Estes objectos cerâmicos, placas de xisto e bácuos serão os objectos de estudo e inspiração a serem recongurados num exercício artístico, que é o de trazer visibilidade a todo um imaginário pagão queer que terá sido esvaziado ao longo de séculos. Trata-se assim, do exercício de através da criação de novos objectos cerâmicos e outros, com base em espólios de séculos passados, voltar a se falar sobre estes mitos queer e narrativas em menires de outros tempos.

    A base deste objecto artístico, de uma narrativa queer do período da Pré-história, tem na sua constituição uma colecção, ou uma série de objectos cerâmicos e outros, que iram ser executados perante um estudo prévio de pesquisa de achados arqueológicos existentes. Perante essa pesquisa, há já alguns pontos formais que o artista considera serem promissores de serem apropriados e devolvidos numa nova abordagem de criação, como por exemplo os vasos cerâmicos com saliências encontrados na Anta Grande da Comenda da Igreja em Montemor-o-Novo, ou o bácuo de formas serrilhadas encontrada na Herdade das Antas. Em termos de forma, assinalam dois pontos viáveis de experimentação formal desta série de peças, ou seja, pela moldagem de formas através de saliências, e da extracção do material para motivos geométricos e formais. Sendo que a ideia principal do manuseamento da pasta cerâmica, seria a de criar objectos cerâmicos com a finalidade destes mesmos objectos conterem ou transmitirem alguma tensão “queer” por assim dizer. Estes aspectos destas peças assinaladas desvendam já bastantes pistas, abrindo possibilidades na elaboração de formas narrativas queer, ou de formas identificáveis como temáticas queer (como por exemplo as formas fálicas associadas a leituras anteriores em textos da arqueologia sobre o mistério da simbologia do bácuo
    serrilhado encontrado em Montemor-o-Novo. Simbologia fálica reminiscentes de um “culto fálico” destas sociedades já bastantes sosticadas das construções megalíticas, ou símbolos de poder civil ou de poder civil e religioso simultaneamente, como é frequente acontecer nas sociedades agro-pastoris de carácter tradicional?)

    + informação
  • NOVO Manual de Iniciação à Cerâmica

    On: 04/28/2021
    In: OCT, Publicações
    Views: 0
     Like

    Já está disponível o novo Manual de Iniciação à Cerâmica, de Ana João Almeida.

     

    Manual2021Manual de Iniciação à Cerâmica, de Ana João Almeida

    Este manual reúne 15 anos de estudo sobre o barro e a cerâmica e tem como objectivo a partilha de conhecimento adquirido ao longo deste percurso. A sua estrutura subdivide-se em 6 capítulos que contribuem para a aprendizagem e autonomia dos vários processos da criação cerâmica: Descobrir o barro; o Barro e a Cerâmica; Técnicas de Conformação; Revestimentos; Técnicas de Decoração e Queimar o Barro. Amplamente ilustrado, este manual conta com mais de 100 obras de artistas de todo o mundo. Partilha-se um receituário para a elaboração de engobes e vidrados e um segmento de passo-a-passo para a construção de um forno de campânula a gás.

    Uma publicação sobre o barro, sobre as coisas fantásticas que podemos fazer com esta matéria, dirigido a todos os exploradores da cerâmica, para que possam ser contagiados com a alegria de criar através do barro e fazer novas descobertas.

     

     

     

     

    Paginação e Grafismo: Ana João Almeida / Joana Torgal

    Edição: 1ª edição, Março 2021, Autora e Oficinas do Convento

    Idioma: Português

    Dimensões: 211 x 296 x 19 mm

    Páginas: 240

    Encadernação: Capa mole

    ISBN: 978-989-33-1479-1

    Depósito legal: 479550/21

    Temática: Cerâmica / Investigação / Arte / Manual técnico

    O manual inclui um marcador.

    Preço: 30 €

    Mais informações: telheiro@oficinasdoconvento.com

    + informação
  • Open Call for Artistic Residencies – Tijolo |Brick

    On: 01/04/2021
    In: OCT, Residências
    Views: 0
     Like

    Residências Artísticas Tijolo | Artistic Residency Brick

    (please scroll down to read in English)

     

    PT//

    cartaz-tijolo-2021Tijolo | Residências Artísticas

    CONCURSO PARA RESIDÊNCIAS ARTÍSTICAS NA OFICINAS DO CONVENTO

    Candidaturas abertas até dia 16 de Abril 2021

    Duração da residência: 1 mês

    Enquadrado pelo programa quadrienal Técnicas, Artes e Lugares, A Oficinas do Convento abre em 2021, pela quarta vez, um Concurso para Residências Artística na Oficinas do Convento tendo como mote o Tijolo enquanto elemento base para a criação artística.

    CONTEXTUALIZAÇÃO

    Fabricado e utilizado por todas as culturas do mundo, o tijolo é um objecto intemporal, de formatos e dimensões relativamente regulares, porém de uma diversidade que condiz com as diferenças culturais existentes. De fabrico antigo ou moderno, a sua prevalência social torna também visível a identidade existente entre os homens.

    Os tijolos produzidos no Telheiro da Encosta do Castelo, Montemor-o-Novo, são de influência medieval, proveniente ainda da tradição romana e bizantina[1]. De uma constituição arenosa, feitos de uma pasta de argila, terra e água, numa consistência próxima à da lama, os tijolos apresentam aspecto maciço e evidenciam a manufactura artesanal, pelas marcas da mão inscritas na superfície. Sendo de produção antiga, os tijolos têm também a característica de fazerem parte da imagem das construções vernaculares do Alentejo. No entanto, a propósito dos cruzamentos disciplinares desenrolados pelas Oficinas do Convento e o contexto artístico onde se insere a associação, pretende-se fomentar a utilização do tijolo na criação artística e valorizar os recursos existentes no Telheiro da Encosta do Castelo, quer no âmbito da produção de materiais de construção, quer no âmbito do apoio à criação artística, propondo assim a realização de residências na área artística que tenham o tijolo como base para a criação.

     

    Aqui, o tijolo, além de poder ser pensado na sua dimensão mais imediata — objectual e construtiva — evidenciando aspectos de produção, formação, conformação ou aplicação, poderá ser considerado também na sua vertente poética, social, histórica ou cultural.

    Tais âmbitos de abordagem poderão ser explorados em diferentes linguagens da criação — escultura, instalação, vídeo, fotografia, desenho, entre outros — cruzando ou tocando casualmente as fronteiras da arquitectura e do design.

    Sem desmerecer ou preterir a elaboração de esculturas de índole objectual, no caso de projectos de maior escala, dar-se-á prioridade a propostas de carácter efémero, processual ou de índole colaborativa que resolvam, neste último caso, eventuais questões práticas da cidade.

    APRESENTAÇÃO BREVE

    O tijolo pode ser pensado e usado na sua dimensão mais imediata — objectual e construtiva — evidenciando aspectos de produção, formação, conformação ou aplicação ou ser considerado na sua vertente poética, social, histórica ou cultural, explorando a diversidade e as potencialidades formais e conceptuais do tijolo, através de diferentes linguagens da criação.

    Assim, este concurso destina-se a autores das seguintes áreas:

    • artes-plásticas: escultura e/ou pintura
    • arquitectura
    • cerâmica
    • desenho
    • design
    • escrita
    • fotografia
    • instalação
    • vídeo

    [1] FRÓIS, Virgínia, SILVA, Vasco Fernando Dias, Realibitação de um Telheiro em Montemor- o-

    Novo, In ArteTeoria, Revista do CIEBA – Centro de Investigação e de Estudos em Belas-Artes –

    Secção Francisco de Holanda, no 14/15, 2011/2012, Lisboa, p. 101.

    Regulamento

    Ficha de Inscrição

     

    EN//

    cartaz brickBrick | Artistic Residencies

    Open Call for Artistic Residencies in Oficinas do Convento

    The last day for the applications is on the 16th of April 2021

    These Artistic Residencies are part of the program “Técnicas, Artes and Lugares”and it opens, once again, in 2021, an open call for Artistic Residencies in Oficinas do Convento having as a motto the Brick as a basic element for artistic creation.

    Contextualization

    Manufactured and used by all of the cultures in the world, the brick is a timeless object, with relatively regular formats and dimensions, nevertheless of a diversity that matches with the existing cultural differences. From old or new manufacture, its social prevalence gives visibility to the existing identity between men.

    The bricks produced in Telheiro da Encosta do Castelo, Montemor-o-Novo, are of medieval influence, stemmed from the roman and byzantine traditions. From a sandy composition, made from a clay paste, earth, and water, in a consistency similar to the mud, the bricks present a solid aspect and highlight the manual manufacture by the hand marks on its surface. Being of old production, the bricks are also part of the vernacular constructions of Alentejo. Nevertheless, as a result of the disciplinary intersections developed by the Oficinas do Convento and its artistic context. It is investigated the use of brick in the artistic creation and to value the existent resources in Telheiro da Encosta do Castelo, in a material production context and as a support for the artistic creation.

    Such contexts of approach can be explored in different languages of creation – sculpture, installation, video, photography, drawing, and more – crossing or touching casually the borders of architecture and design.

     

     

    Application Process

    The main aim of Brick-Artistic Residencies is to think and explore this product in its most immediate dimension – objective and constructive – highlighting the production aspects, formation, conformation or application, or in its poetical, social, historical, or cultural aspect, exploring the diversity and the formal and conceptual potentialities of the brick, through different languages of creation.

    Therefore, this call is destined to artistic proposals in the following areas:

    • Fine arts: sculpture and/or painting
    • Architecture
    • Ceramics
    • Drawing
    • Design
    • Writing
    • Photography
    • Installation
    • Video

     

    Regulation

    Application Form

    + informação
  • Tradição >< Contemporâneo

    On: 01/04/2021
    In: OCT, Residências
    Views: 0
     Like

    Programa de residências artísticas para criadores da Região

    – Alentejo –

    Artes plásticas: Cerâmica, Terra e/ou novos media

    Candidaturas abertas até dia 16 Abril 2021 para comunicacao@oficinasdoconvento.com

    tradicao-contemporaneoEnquadrado pelo programa quadrienal Técnica, Artes e Lugares, A Oficinas do Convento abre em 2021 possibilidade de novas relações potenciando-as através de uma bolsa anual para a produção artística regional.

    Através deste concurso anual, a OC com os seus recursos técnicos permitirá o desenvolvimento de um projeto em residência artística dirigido a jovens criadores residentes no Alentejo.

    Pretende-se potenciar a aproximação entre a comunidade jovem artística e a OC, disponibilizando recursos e aprendizagens como forma de desenvolvimento do seu trabalho.

    Em 2021 a OC lança pela quarta vez o concurso tendo como tema a Tradição e Contemporâneo.

    Pretende-se desafiar, artistas, designers e arquitetos, para a criação de obras que contribuam para um processo continuado de reinterpretação, cruzamento e inovação de técnicas.

    Dar-se-á relevância a propostas a desenvolver em regime de Residência que tenham preferencialmente referências à região, património histórico e natural, cultura local e recursos e que contemplem modos de produção tradicional bem como “novos media”, refletindo a sua atualização na metodologia e na forma.

     

     

    Objectivos

     

    Potenciar a criação de jovens artistas regionais, através de um processo formal que lhes permite beneficiar dos recursos locais.

    Estreitar relações com a comunidade artística jovem regional;

    Promover a criação artística e produção de projetos inovadores revitalizando as técnicas tradicionais e artesanais;

    Apoiar criadores emergentes da nossa região;

    Potenciar a interação entre a produção artística e a comunidade local, contribuindo para a promoção dos recursos naturais, culturais e económicos da região;

    Contribuir para o desenvolvimento de processos participativos promovendo o envolvimento da população;

    Aproximar os cidadãos das práticas artísticas contemporâneas. Valorizar a cultura local promovendo o desenvolvimento sócio cultural e a criação de objetos com valor poético.

     

    Regulamento

    Ficha de Inscrição

    + informação
  • BREVE MENTE – Galeria de rua

    On: 12/09/2020
    In: Exposições, Noticias, OCT
    Views: 0
     Like
    -ENGLISH BELOW-
    BREVE MENTE: OPEN CALL
    Galeria de rua –
    ESTAMOS ACEITAR PROPOSTAS!
    Galeria brevemente opencall_mailA proposta surge como consequência de uma espera ao sinal vermelho… momento em que me assalta a vontade de invadir, e convidar a invadir, essas vitrines vazias com ideias, sentimentos, ilusões, poéticas, que transformem essa espera num momento de fuga ao quotidiano através de reflexões provocadas pelo que se encontrar nessa “galeria”. (Tiago Fróis)
    O projecto é iniciativa da Oficinas do Convento, em parceria com o Grupo União Sport de Montemor-o-Novo.
    Sai dos criadores para a Cidade e abre um novo canal de comunicação e reflexão colectiva.
    Espaço de instalação gráfica, com novo formato (1 chapa de ferro 3mx80cm, em cada uma das vitrines)  onde cada criador utiliza enquanto “aparelho de exposição”
    Abrimos assim a participação a todos os criadores que queiram projectar para aqui as suas ideias.
    Aguardamos as vossas propostas para galeriabrevemente@oficinasdoconvento.com
    Este projecto está subsidiado pela boa vontade dos artistas e parceiros.
    Este projecto tem a curadoria de Sérgio Bráz de Almeida

     

     

     

     

     

     

    Para participar:

    – A participação é aberta a toda a população (local, regional, nacional e internacional).

    – A intervenção não deverá exceder os limites das vitrines.

    -A Oficinas do convento responsabiliza-se pela reprodução das imagens em papel fotográfico até a ao formato de 60cm x 600cm a cores ou a P/B. Outros formatos deverão chegar pela  responsabilidade dos autores e prontos a instalar, ou montados pelos próprios nas vitrines.

    – Caso a montagem seja feita pela OC, os trabalhos deverão chegar em formato digital prontos para impressão com uma definição máxima de 300dpi.

    – Deverá ser respeitada a integridade física do equipamento.

    – Cabe à organização avaliar a pertinência das intervenções, selecionando os projetos a expor.

    – Cada proposta estará patente no mínimo uma semana.

    – A organização não se responsabiliza por eventuais danos decorrente dos envios, intempéries e/ou vandalismo.

    – Os trabalhos poderão ser levantados em sede da associação após o período de exposição. Não é responsabilidade da associação o reenvio da obras para os autores.

     

    Deves enviar para o galeriabrevemente@oficinasdoconvento.com

    A) Esquema de montagem da exposição (ter em conta que parte dos espaços serão ocupados pela folha de sala e pela informação sobre a BREVE MENTE. Assim, no vosso esquema devem contemplar esse espaço). Deve conter informação sobre materiais utilizados, numero de obras, dimensões de cada uma das obras, disposição das mesmas pelo espaço de instalação gráfica).

    B) Imagens para impressão com especificação de tamanho e p&b ou cor (caso a impressão fique a cargo das oficinas do convento)
    Ou Fotografias das obras e informações sobre os materiais utilizados na instalação pelo próprio.

    C) Texto de Folha de Sala + biografia do autor  + link para website (esta informação deve estar contida no tamanho de uma folha A4)

     

     

    IMG_8261

     

    Vitrines

     

     

     

    BREVE MENTE: OPEN CALL

    Street Gallery –
    WE ARE OPEN TO NEW PROPOSALS
    Galeria brevemente opencall_mailThe proposal arises as a consequence of waiting at a red light … a moment when I feel the urge to invade, and invite to invade, these empty showcases with ideas, feelings, illusions, poetics, that transform this waiting into a moment of escape from everyday life through reflections caused by what is found in this “gallery”. (Tiago Fróis)The project is an initiative of Oficinas Do Convento, in partnership with the União Sport Group of Montemor-o-Novo. It opens a new channel of communication and collective reflection in the city. Graphic installation space, with (1 iron plate 3mx80cm, in each of the showcases) where each designer uses it as an “exhibition device” We thus open the participation to all creators who want to project their ideas here. We await your proposals to galeriabrevemente@oficinasdoconvento.com This project is subsidized by the goodwill of the artists and partners.To participate:

    – Participation is open to the entire population (local, regional, national and international).

    – The intervention must not exceed the limits of the showcases. -The Oficinas Do Convento is responsible for the reproduction of images on photographic paper up to the 60cm x 600cm color format or B/W. Other formats should arrive under the responsibility of the authors and ready to install, or assembled by themselves in the windows.

    – If the assembly is done by the Oficinas Do Convento, jobs must arrive in digital format ready for printing with a maximum definition of 300dpi.

    – The physical integrity of the equipment must be respected.

    – It is up to the organization to assess the relevance of the interventions, selecting the projects to be exhibited. – Each proposal will be open for at least one week.

    – The organization is not responsible for any damage resulting from shipping, weather, and/or vandalism.

    – The works may be collected at the association’s headquarters after the exhibition period. It is not the association’s responsibility to send the works back to the authors.

     

    Should be sent to galeriabrevemente@oficinasdoconvento.com:

    A) Scheme for the exhibition setup (take into account that part of the spaces will be occupied by the exhibition information sheet and the information about the BREVEMENTE Gallery. Therefore, in your scheme you should include this space). It must contain information on materials used, number of works, dimensions of each work, the layout of the works by the graphic installation space).
    B) Images for printing with size and B&W or color specification (if printing is in charge of the Oficinas do Convento)
    Or Photographs of the works and information about the materials used in the installation by the artist.
    C) Exhibition information sheet Text + author biography + link to website (this information must be contained in the size of an A4 sheet)

     

     

    IMG_8261

     

    Vitrines

     

     

     

    + informação
  • PRODUTOS CERÂMICA

    On: 11/25/2020
    In: OCT
    Views: 0
     Like

    KITS CERÂMICA

    capa-nerikomi

    KIT CERÂMICA – NERIKOMI

    Composto por barro branco, barros coloridos, manual de instruções e passo a passo, este kit ensina a fazer peças em cerâmica com a técnica de decoração japonesa de Nerikomi.

    Preço: 44€ (IVA incluído)

    Saber mais

     

    capa-maosnobarro

    KIT CERÂMICA – MÃOS NO BARRO

    Barro vermelho, engobes de várias cores e instruções básicas sobre a cerâmica é o suficiente para meter as mãos no barro e fazer peças únicas.

    Preço: 42€ (IVA incluído)

    Saber mais

     

    capa-gessocopos

    KIT CERÂMICA – MOLDES DE GESSO (COPOS)

    Com este kit vamos construir moldes de gesso e fazer copos através de enchimento por via líquida. Conteúdos do kit: gesso, barro branco, barbotina, engobes, manual de instruções e passo a passo.

    Preço: 36€ (IVA incluído)

    Saber mais

     

    capa-gessosrelevos

    KIT CERÂMICA – MOLDES DE GESSO (RELEVOS)

    Com este kit vamos fazer moldes de gesso de relevos para os podermos repetir as vezes que quisermos. Conteúdos do kit: gesso, barro branco, engobes, manual de instruções e passo a passo.

    Preço: 36€ (IVA incluído)

    Saber mais

     

    KIT CERÂMICA – PLANIFICAÇÕES E FORMAS GEOMÉTRICAS

    Composto por barro branco, engobes vitrosos, manual de instruções e passo a passo, este kit ensina-nos a planificar e modelar em barro formas geométricas a partir de planos.

    Preço: 50€ (IVA incluído)

    Saber mais

     

    KIT CERÂMICA – PINTA O TEU AZULEJO

    Conteúdo do kit: 4 azulejos brancos, 5 minas coloridas e base de madeira com moldura destacável. Tu pintas, nós cozemos!

    Preço: 14€ (IVA incluído)

    Saber mais

     

    capa-castelo

    KIT MINI-ARQUITECTURAS – CONSTRÓI O TEU CASTELO

    Conteúdo do kit: 320 tijolos, barro para argamassa de reboco, porta, corrente, peças de encaixe, manual de instruções e passo a passo.

    Preço: 74€ (IVA incluído)

    Saber mais

     

    OLYMPUS DIGITAL CAMERA

    KIT MINI-ARQUITECTURAS – CONSTRÓI O TEU MURAL

    Conteúdos do kit: 85 tijolos, barro para argamassa de reboco, barros coloridos para reboco final e manual de instruções.

    Preço: 27€ (IVA incluído)

    Saber mais

     

    JOGOS OCT

    capa-domino

    DOMINÓ

    Preço: 26€ (IVA incluído)

    Saber mais

     

    capa-galo

    JOGO DO GALO

    Preço: 12€ (IVA incluído)

    Saber mais

     

    capa-solitario

    SOLITÁRIO

    Preço: 20€ (IVA incluído)

    Saber mais

     

    PASTAS CERÂMICAS

    pastas

    PASTAS CERÂMICAS

    Consultar preços

    PUBLICAÇÕES

    capafrente-712x1024 - Cópia

    MANUAL DE CERÂMICA

    Preço: 20€ (IVA incluído)

    Saber mais

    CATÁLOGO

    capa

    PRODUTOS ARTESANAIS PARA A CONSTRUÇÃO

    Nos anos 90, o telheiro existente na Encosta do Castelo de Montemor-o-Novo foi recuperado. Gerido pela Oficinas do Convento, produz actualmente materiais de construção tradicional, como o tijolo burro, a tijoleira, azulejos, entre outros.

    Conhecer o nosso catálogo


    + informação
  • Oficina UM COPO PARA MIM – Nova data

    On: 10/02/2020
    In: OCT, Oficinas
    Views: 0
     Like
    oficinacopo2 copy []

     

     

    Oficina UM COPO PARA MIM – Nova data

    CENTRO DE INVESTIGAÇÃO CERÂMICA OCT / MONTEMOR-O-NOVO

     

    Roda de Oleiro e Moldes de Gesso: 17 e 18 de Outubro

    Vamos aprender a fazer loiça utilitária a partir dos dois métodos mais utilizados: roda de oleiro e moldes de gesso.

    Vamos também aprender a fazer moldes de gesso.

     

    Decoração e Vidragem: 1 de Novembro

    Decoração e vidragem das peças realizadas.

     

     

    FORMADORES

    Equipa OCT

     

    PÚBLICO-ALVO

    Público em geral, curiosos, ceramistas.

     

    INSCRIÇÕES

    110 €

    (10% desconto para sócios, estudantes e desempregados)

    Inclui os 3 dias, materiais e cozeduras

    Não inclui alojamento

    Não inclui almoço / Existe cozinha no atelier

     

    MAIS INFORMAÇÕES

    www.oficinasdoconvento.com

    telheiro@oficinasdoconvento.com

    +351 266 887 149

     

    PROGRAMA

    17 de Outubro, Sábado

    10h – Apresentação e organização de dois grupos de trabalho.

    10h30 – Introdução às técnicas de roda de oleiro e enchimento de moldes de gesso.

    11h – Início dos trabalhos: Roda de oleiro (grupo 1) e enchimento de moldes com porcelana e faiança (grupo 2).

    13h – Intervalo para almoço.

    15h – Continuação dos trabalhos: Roda de oleiro (grupo 2) e enchimento de moldes com porcelana e faiança (grupo 1).

    18h – Descanso.

     

    18 de Outubro, Domingo

    10h – Noções gerais sobre acabamentos das peças (fundos e asas), pintura com engobes, esgrafitado e carimbos.

    10h30 – Roda de oleiro (grupo 2) e construção de um molde de gesso de um copo (grupo 1). Conclusão dos trabalhos.

    13h – Intervalo para almoço.

    15h – Continuação dos trabalhos: Roda de oleiro (grupo 1) e construção de um molde de gesso de um copo (grupo 2). Conclusão dos trabalhos.

    18h – Fim dos trabalhos.

     

    1 de Novembro, Domingo

    10h – Introdução às diferentes técnicas de vidragem e decoração. Minas cerâmicas e Majólica. Início dos trabalhos.

    13h – Intervalo para almoço.

    15h – Continuação dos trabalhos.

    18h – Fim da oficina.

    + informação
  • Exposição OCT

    On: 08/19/2020
    In: OCT, Outros Eventos
    Views: 0
     Like

    Exposição OCT

    De 16/set a 19/set | Actividade aberta no horário do Centro de Investigação de Cerâmica (OCT): Das 10h-13h e das 15h-18h

    Centro de Investigação de Cerâmica

    *Obrigatório o uso de máscara

    expooctEsta exposição visa dar a conhecer o trabalho efectuado ao longo do ano nas Oficinas da Cerâmica e da Terra em Montemor-o-novo durante o ano 2019/2020.
    Nos diferentes modelos de aprendizagem, conseguimos identificar as características pessoais de criação de cada participante.
    Esta apresentação reflecte a aprendizagem que proporcionamos ao longo do ano às mais diversas pessoas envolvidas.
    Uma viagem às técnicas de modelação e decoração cerâmicas que nos alegram e mostram que todos podemos criar.

    + informação