• Novas Ferramentas para trabalhar em rede

    On: 06/12/2017
    In: Cidade Pre0cupada, Conversas, Projectos
    Views: 0
     Like

    Cidade PreOcupada 2017

    Novas Ferramentas para trabalhar em rede

    formação | biblioteca municipal e casa das Associações | 14 Junho e 4 julho

    CARTAZ - ENCONTRO FINAL

    + informação
  • Exposição “Monfurado” na BREVE MENTE – Galeria de Rua

    On: 06/12/2017
    In: Exposições, Projectos
    Views: 0
     Like

    Monfurado

    de Tiago Fróis

    >> 12 a 18 de junho

    (Carreira de S. Francisco – Em frente às antigas piscinas )

    13Janela para olhar sobre o ponto mais alto do concelho de Montemor-o-Novo, Mina de Monfurado.

    + informação
  • Festa de Encerramento Workshop #1 LearnBI0N

    On: 05/18/2017
    In: Noticias, OCT, Outros Eventos, Projectos
    Views: 0
     Like

    Festa de Encerramento Workshop #1 LearnBI0N

    sábado, 20 Maio 2017

    Centro de Investigação de Cerâmica – OCT /Convento S. Francisco

    16:30 – Centro de Investigação de Cerâmica – OCT

    Apresentação á população dos resultados do Workshop de Blocos de Terra Comprimidos no âmbito do projeto LEARNBI0N co-financiado pelo programa ERASMUS+, apoiado pelo Município de Montemor-o-Novo e União de Juntas de Freguesia Vila Bispo e Silveiras.

    22:00 – TROPIKAOZ

    Resultado da mistura e encontro astronímico/Gastronimico entre MUAMBA MASALA From: Guerrilha Sound System (Lisbon PT.) ZENOÇÃO From: Piratas do Maxixe (São Paulo BR.) e RITMOS CHOLUTECA (From: Mexico) Tropikaoz surge com o propósito de espalhar o kaoz e a good vibration nos encontros tropico- dançantes da cidade das sete colinas.

    A sua onda sonora é fruto da variação entre os Ritmos Afro-latinos, brasilian-funky´s e electro cumbias de todos os tipos e para todos os gostos.

    Tropikaoz compromete-se a contribuir para os teus momentos elevaçao na dancefloor, e a trazer na sua ementa musical todos os sabores e de todas as cores.

    Se recordar é viver, então vive ao ritmo de uma banda sonora que te fará recordar na dia seguinte.

     

    + informação
  • Curso de BTC – BIØN – Building Impact Zero Network

    On: 01/16/2017
    In: OCT, Oficinas, Projectos
    Views: 0
     1

    Curso de Desenho e Construção em BTC

    20 de Abril a 20 de Maio

    Oficinas da Cerâmica e da Terra /Oficinas do Convento

    DSC_1361

    4 semanas de teoria e prática com construção de um protótipo à escala real juntaram 19 participantes de 7 paises diferentes.

    O curso é organizado pela Oficinas do Convento. Este é o primeiro de um total 7 que serão organizados em diversos locais da Europa. O curso decorre dentro do projecto LearnBIØN apoiado pelo programa Erasmus+ da União Europeia. BIØN – Building Impact Zero Network é uma rede de 7 parceiros de 5 países que desenvolvem diferentes técnicas de construção a baixo impacto ambiental, mas com impacto positivo nas comunidades onde se inserem. A participação neste curso Desenho e Construção com Blocos de Terra Comprimida dá acesso prévio aos materiais didáticos dos restantes 6 cursos que decorrerão até 2018 (antes que estes materiais se tornem Open Source).

    Saibam tudo sobre este projecto aqui

     

    + informação

  • Mesa Posta BAIRRO DA CHE

    On: 11/08/2016
    In: Outros Eventos, Projectos
    Views: 0
     Like

    26 Novembro – 16:00 –  Junto à nora no Bairro da CHE

    mesa 8.cartaz-001

    A Mesa Posta é um evento de espaço público com o objetivo de provocar novas interações e usos do espaço urbano, inspirados na investigação de práticas antigas dos diferentes largos e praças do concelho de Montemor-o-Novo.
    O objetivo principal desta ação é incentivar a participação dos cidadãos e das organizações da sociedade civil na dinamização de locais (praças, largos, ruas, etc…) do concelho e incentivar os cidadãos a participar na procura das melhores soluções tendo em conta os recursos disponíveis.
    Esta é a 8ª Mesa Posta organizada na Cidade de Montemor-o-Novo e desta vez contamos com a parceria da Cooperativa CHE Alentejana.Tragam o farnel e vamos passar uma tarde no Bairro da CHE

    + informação
  • Exposição “SOLOS DO MEU CONCELHO”

    On: 09/12/2016
    In: Exposições, Noticias, OCT, Oficinas, Projectos
    Views: 0
     Like

    A exposição “Solos do meu Concelho” esteve em exibição na Feira da Luz/Expomor de 31 de Agosto a 5 de Setembro. Esta exposição foi o resultado de um projeto pedagógico desenvolvido durante o ano lectivo de 2015/2016 pelas turmas do 1º ciclo (1º, 2º, 3º, 4º ano) e jardins de infância das freguesias e cidade de Montemor-o-Novo (Ciborro, Cortiçadas de Lavre, Escoural, Foros de Vale de Figueira, São Cristóvão, Silveiras, EB1 nº1, EB1 nº2 e EB1 nº3, S. Mateus); destinou-se também às turmas do 5º e 6º ano da escola EB23 de S. João de Deus.

    Este projeto contou com a colaboração dos formadores da Oficinas do Convento Ana João Almeida (ceramista); Catherine Henke (artista plástica) e Tânia Teixeira (arquiteta)

    No âmbito do projeto foram realizadas visitas de campo com o objectivo de aprender o que é o barro, como se formou na natureza e como o encontrar no campo. Ensinou-se os alunos a transformar esta matéria numa pasta modelável, a fazer amostras e descobrir as várias formas e técnicas que se podem realizar em lastras. Foram também realizados jogos de experimentação intuitiva e sensorial.

    Fotografias: Município de Montemor-o-Novo

     

    + informação
  • Residência Olaria e Panaria de Cabo Verde

    On: 08/19/2016
    In: Noticias, OCT, Oficinas, Projectos, Residências
    Views: 0
     Like

    Esta residência foi uma iniciativa da Oficinas do Convento liderada por Virginia Fróis e Rosa Coelho e aconteceu de 20 de Junho a 31 de Julho de 2016 no âmbito de uma parceria entre Câmara Municipal do Tarrafal (CV) e as Câmaras Municipais de Almada e Montemor-o-Novo.

    Para esta Residência a Oficinas do Convento convidou as Mestras Oleira Zenaida de Oliveira Teixeira e a Tecelã Rosilda Maria Gomes Furtado.
    Centro de Artes e Ofiícios de Trás os Montes, Município de Tarrafal de Santiago, Cabo Verde.

    Contexto

    A Olaria e a Panaria Cabo verdiana

    A produção da olaria, panaria (bem como outras artes tradicionais) era a principal fonte de rendimento das mulheres e homens que praticavam estas artes de origem africana. Estas atividades entraram em decadência em meados do Século XX, constituindo-se como um fator de desvalorização e empobrecimento desta população a par da falta de água e alimentos o que provocou o abandono do local e a emigração.

    As produções artesanais de Olaria e de Panaria e/ou tecelagem, quer pelo valor de memória e de identificação cultural, quer pela sua qualidade estética e funcional, justifica-se a sua continuidade e valorização.

    Os materiais naturais que lhes dão forma e as técnicas construtivas, transformam-nos em objetos de valor acrescentado da sociedade contemporânea. A olaria de Cabo verde era e é praticada essencialmente por mulheres e foi em 2006 alvo de reabilitação com sucesso mas carece de continuidade na formação das oleiras locais. A panaria, no contexto do Tarrafal encontra-se em situação de extinção e é a arte com maior valor histórico, os tecelões eram pessoas muito prestigiadas. Difundir esta cultura em ambos os territórios e noutros, formar novos artífices e encontrar novas aplicações destes saberes são formas de não permitir a perda destes saberes, tornando-os vivos e atuais.

    A Panaria e a olaria são duas artes que estão associadas em certos momentos do processo de elaboração, podendo as ligações interações ser múltiplas, e suportadas pela criatividade possibilitando também inovação e criação de novas relações.

    Objetivo do projeto

    O presente projeto teve o propósito de promover a aprendizagem das artes e dos saberes locais, em especial da olaria e panaria, contribuindo para a revalorização de comunidades e dos seus valores culturais, compreende uma estreita cooperação entre o meio ambiente e a criação de valor artístico, económico e social. É, neste âmbito e com o objetivo de promover trocas e conhecimento na área das artes tradicionais, potenciando a tomada de consciência dos valores identitários, estimulando a inovação e criatividade.

    Pretendeu-se divulgar e valorizar junto em Portugal os saberes tradicionais ligados á olaria e panaria cabo Verdiana, numa lógica de partilha de experiências e trocas culturais, envolvendo comunidade caboverdiana e artistas, artesãos e jovens portugueses.

    Metodologia

    O objetivo deste projecto foi cumprir através de 2 Residências artísticas de uma oleira e uma tecelã, dando e recebendo formação. A formação e as atividades destinaram-se a diferentes públicos.

    A formação foi dada pelo meétodo de aprendizagem tradicional, transmissão direta mestre aprendiz e aprender – fazendo

    + informação
  • Projeto LearnBIØN já arrancou!

    On: 05/30/2016
    In: Noticias, OCT, Projectos
    Views: 0
     Like

    LearnBIØN – Learn Building Impact Zero Network

    Tivemos a nossa primeira reunião do projeto LearnBIØN – Learn Building Impact Zero Network, financiado pelo programa ERASMUS+ com os nossos parceiros ARCò – Architecture and Cooperation AK0 – architettura a kilometro zero AES Haute École de Bruxelles Canya Viva Dehesa Tierra Asociación.
    A nossa missão é criar uma rede de organizações em que se desenvolva informação e prática sobre Técnicas de Construção de Baixo Impacto e que dissemine as mesmas a públicos sem este conhecimento como: profissionais da construção civil, NEET, migrantes ou refugiados, estudantes e outros adultos interessados nestes tema.

    Brevemente mais informações do decorrer do projecto!

    Ver fotos

    + informação