• Leilão de Arte – Oficinas do Convento

    On: 10/23/2019
    In: Outros Eventos
    Views: 0
     Like

    Leilão de Arte da Oficinas do Convento

    30 de Novembro 2019 | A partir das 13h

    Oficinas do Convento

    Montemor-o-Novo

    cartazleilaoA Oficinas do Convento – Associação Cultural de Arte e Comunicação, sediada em Montemor-o-Novo, está a organizar uma nova edição do seu Leilão de Arte, no dia 30 de Novembro de 2019, no Convento de S. Francisco, sede da Associação.

    Tendo em conta o sucesso das edições anteriores, promovemos uma nova edição deste evento como forma de apoiar novos projectos autónomos de criação artística da Oficinas do Convento.

    Estamos a convidar Artistas de diversas áreas a apresentar obras multidisciplinares que agradem a diversos públicos e carteiras. Este evento será promovido numa época de maior disponibilidade financeira e que pode interessar a quem procura um presente especial ou um investimento em Autores com vários graus de visibilidade.

    Esperamos apresentar e aproximar as Obras dos Criadores a um público diversificado e heterogéneo.

    Programa:
    13:00h – Almoço: Cozido de panela em lume de chão
    15:30h – Leilão
    18:30h – Lançamento do Livro e Exposição de Susana Maques e Renata Bueno
    19:30h – Finissage
    Mais informações para: comunicacao@oficinasdoconvento.com
    –EN–

    Art Auction – Oficinas do Convento

    30th November 2019 | From 13h

    Convento de S. Francisco

    Montemor-o-Novo

    cartazleilaoENOficinas do Convento – Associac?a?o Cultural de Arte e Comunicac?a?o,based in Montemor-o-Novo, is organizing a new edition of its Art Auction, on the 30th November 2019, in Convento de S. Francisco, headquarters of the Association.Due to the success of previous editions, this year we promote a new one as a way of supporting new autonomous projects of Oficinas do Convento artistic creation.We are inviting artists from various areas to present multidisciplinary artworks which please different types of public and wallets. This event will take place during a favourable financial availability and can be of interest to people who are looking for a special gift or an investment in authors with different visibility degrees.

    We hope to present and bring closer the artworks from the creators to a diversified and heterogeneous public.

     

     

     

     

     

    Program:

    13:00h – Lunch: Traditional “Cozido” cooked in a small ground fire

    15:30h – Auction

    18:30h – Book launching and Exhibition by Susana Marques and Renata Bueno

    19:30h – Finissage

    Catalog Available!

    More information: comunicacao@oficinasdoconvento.com

    + informação
  • ARCA

    On: 10/23/2019
    In: Outros Eventos
    Views: 0
     Like

    Evento ARCA, promovido pelo Cineclube & Filmoteca de Montemor-o-Novo

    POSTER ARCAEntre os dias 07 e 30 de Novembro, o Cineclube & Filmoteca Municipal de Montemor-o-Novo, promove o evento transdisciplinar: ARCA | arquivo e cinema.

     

    A ARCA estabelece uma programação que pretende criar dinâmicas para promover e despertar o interesse no cinema e suas diferentes disciplinas.

    É importante dar a conhecer autores, temas, processos e possibilidades diferentes do habitual, aprofundando a ideia de cinema como transmissor e gerador de conhecimento e cultura. Fomentar desta forma a educação cinematográfica e artística, como princípio essencial na formação pessoal e social de cada um de nós, desde os jovens aos adultos é uma responsabilidade que vamos cumprir.

    O programa não consiste apenas na exibição de filmes, é expandido, transdisciplinar e transgeracional, indo para além do clássico ato de assistir ao cinema. O interesse pelo cinema de arquivo, pela memória e sua actualização, pelo gesto de pegar numa câmara e filmar, pelo amadorismo do cinema caseiro que se transforma em património familiar adquirindo significados cinematográficos importantíssimos, são interessantes e inusitadas formas de ver cinema reinterpretando as suas possibilidades.

    Neste panorama, a ARCA assume um papel preponderante numa sociedade marcada pela ditadura da imagem, da aparência e do supérfluo. A  ARCA propõe a reflexão e o questionamento sobre todas estas formas de olhar e de dar a ver.  Tornasse imperativo reaprender a reflectir sobre tudo o que olhamos, esta acção é apenas possível se soubermos entender  e interpretar todas as imagens cinematográficas que nos alcançam.

    ARCA significa sobretudo, não perder o passado para ser possível continuar a ter um futuro, porque como diz Jean-Luc Godard “A história deve ter um começo, um meio e um fim, mas não necessariamente nessa ordem.”

     

    Tudo isto é cinema, tudo cabe na ARCA, vamos abri-la!

     

    banner programacao

     

     

     

    VHS-NIGHTS-POSTER-webVHS Nights

    16 Novembro | 21h

    Oficinas do Convento

    A fita magnética ganha uma nova vida em noites dedicadas ao VHS. Terror, Ficção Científica, Acção, Thriller.

    Carrega no Play. Todos temos saudades dos filmes que escolhíamos pela capa numa prateleira perdida no videoclube nos anos 80. Aquele filmes que estava sempre em chapas, permanentemente alugado. Gore, fenómenos paranormais, sci-fi, teenagerflicks, abs exercise, ou simplesmente incategorizável (o nosso género preferido).

    Encontrem, partilhem e deixem que o VHS volte a conquistar o mundo.

     

     

     

    Poster XESYXesy Dj Set

    16 Novembro | 23h

    Oficinas do Convento

    Xesy, uma sonoridade de sonolência pura, onde as batidas se apresentam em desconformidade com o seu tempo, salto e neura. Um constante atraso para uma melodia prometida na génese inicial de um primórdio indefinido.

    Múltiplas são as camadas constituintes desassociadas deste tempo sem espaço, são as desarticulações coordenadas que pautam o ritmo e a métrica num exercício de fruição contemplativa e imersiva. Submergido em vários espectros que passam desde a música erudita até à música electrónica, Xesy abarca ritmos de várias influências procurando sempre novos ritmos.

    Se Iannis Xenakis fosse vivo, humildemente, faria a sua vénia.

     

     

     

    Sinopse_FOUNFOOTAGE-webFound Footage Jam Session para Super 8 e 16mm com Andrés Jurado

    23 Novembro | 23h

    Oficinas do Convento

    Found Footage consiste numa jam session para projectores de 16mm e super 8. A ideia do projector aberto pretende convidar à participação todos aqueles que tenham películas nos formatos mencionados, para projecção e partilha dos seus arquivos; familiares, adquiridos e encontrados.

    O cineasta e investigador colombiano Andrés Jurado coordenará a sessão, exibindo igualmente películas provenientes do seu arquivo: “Despropaganda” cria uma experiência de análise de arquivos propagandísticos ao vivo. Baseada em material de propaganda de 16mm, adquiridos em antiquários, mercados e outros repositórios orfãos duma sala de projecção na Colômbia, na Feira da Ladra em Lisboa e noutros lugares, Proporciona novas composições revelando aspectos e significados diferentes dos originalmente provocados. É uma mistura entre happening, cinema expandido e improvisação, caos controlado para distabilizar os conteúdos tóxicos das propagandas estatais.

    Esta sessão contará com instrumentos músicais e dispositivos sonoros para composição improvisada das trilhas sonoras que acompanharão as projecções.

    Projecto aberto é sobretudo uma ideia de liberdade para composição aleatória, sonora e visual.

     

     

    Poster PAST STILL FOWARDPast Still Forward

    24 Novembro | 22h

    Oficinas do Convento

    Cenas de viagens, férias, festas e eventos culturais, realizados por cineastas amadores, em Portugal e um pouco por todo o mundo,

    Arquivos de família dos anos 40 aos 80, filmado em película super 8, 8mm e 9,5mm.

    Imagens originais digitalizadas sem montagem, colagens de frames de filmes, com cola e fita cola.

     

     

     

     

     

    Poster CELESTEMARIPOSACelesteMariposa

    24 Novembro | 23h

    Oficinas do Convento

    O projecto CelesteMariposa nasceu em 2009 para exaltar uma riqueza escondida e ignorada por muitos.

    Um projecto agitador claro que pretende reunir e divulgar a música que defende, música essa que deve ser reconhecida e apreciada como parte da riqueza cultural de Portugal. CelesteMariposa planeia com o espólio reunido, editar compilações que preservem para a posterioridade um passado a (re)descobrir. Tornou-se editora porque não teve alternativa.

    À medida que o projecto ia descobrindo a enorme rede musical subsequente por registar, impôs-se como repto, independentemente, de todas as contrariedades e burocracias apresentadas, “Isto tem que ser gravado!”. O desvendar da história que passou aliado à gravação do presente, tem tanto de desejo melómano como de movimentação activista (a luta contra a hegemonia anglo-saxónica e centro-europeia a favor de uma verdadeira e democrática diversidade musical) afirmação da música e cultura da África de expressão portuguesa como riqueza imprescindível, reconhecida e acarinhada não só pelas comunidades africanas no nosso país, seus descendentes europeus, e na Diáspora mas por todos. Neste contexto Portugal está pela primeira vez no centro do mundo! 

    + informação
  • Pre0cupada Programa Completo

    Pre0cupada 2019

    De 12 a 21 de Julho 2019

    Montemor-o-Novo | Casa Branca

     

    O evento Pre0cupada propõe “ocupar” e dinamizar a cidade de Montemor-o-Novo e a localidade de Casa Branca, com novos e diferentes projetos nas mais variadas áreas de criação artística contemporânea, trazendo para o exterior o legado da Oficinas do Convento.
    Pela primeira vez, o evento rompe com os limites da cidade de Montemor-o-Novo! Casa Branca está em destaque nesta edição devido ao seu potencial. Uma antiga aldeia ferroviária, localidade estereótipo da desertificação do Alentejo, com estruturas, escolas e casas desabitadas, com ligação a Lisboa, Évora e Baixo Alentejo, e num concelho com massa crítica disposta a construir um centro de criação. Este é o mote para este evento que agora se reinventa.

     

    Programa completo:

    Montemor-o-Novo

    2web12 de Julho:

    Oficina de Streaming

    Oficina de Videomapping

     

    13 de Julho:

    Siga! Oficina de Placas de Sinalização

    Exposição OCT 2018-2019

    Concerto Mazarin

    Concerto Don Pie Pie

    Performance DJ/VJ Fiestaylers

     

    De 15 a 19 de Julho:

    Oficina Instrumentos Utópicos

     

    Casa Branca

    1web

    18 de Julho:

    Cinema Heritales – International Heritage Film Festival

    19 de Julho:

    Oficina Serigrafar um Livro

    Acção + Exposição O Desenho nas Paredes

    Inauguração da Exposição Não Há Casos em Branco

    Concerto Toma Lá Jazz!

    Oficina Construir um Formigueiro

    Acção + Exposição Wearing Bricks – A Body Landscape

    Concerto Ruído Vário

    Concerto Montanhas Azuis

    20 de Julho:

    Oficina Serigrafar um Livro

    Oficina Próxima Paragem: Casa Branca

    Conversas à Volta da Sustentabilidade

    Jogos Tradicionais pela Associação de Amigos Unidos pelo Escoural

    Oficina Desenhar com a Fuligem

    Concerto Royal Bermuda

    Concerto La Miseria Deluxe

    Concerto João Berhan

    Concerto Rosa Mimosa y sus Mariposas

    Performance Dj Selecta Alice

    21 de Julho:

    Círculo de Ideias para Casa Branca

    Concerto Bantabaa

    Concerto Adufe Lisboa

    Exposições Permantes

    expoCB

    + informação
  • Open Call for Artistic Residencies – Tijolo |Brick

    On: 04/15/2019
    In: Noticias, OCT, Outros Eventos, Residências
    Views: 0
     Like

    (please scroll down to read in English)

     

    PT//

    residencia-tijolo-2019-pt Tijolo | Residências Artísticas

    CONCURSO PARA RESIDÊNCIAS ARTÍSTICAS NA OFICINAS DO CONVENTO

    Candidaturas abertas até dia 15 de Abril 2019

    Duração da residência: 1 mês

    Enquadrado pelo programa quadrienal Técnicas, Artes e Lugares, A Oficinas do Convento abre em 2019, pela segunda vez, um Concurso para Residências Artística na Oficinas do Convento tendo como mote o Tijolo enquanto elemento base para a criação artística.

    CONTEXTUALIZAÇÃO

    Fabricado e utilizado por todas as culturas do mundo, o tijolo é um objecto intemporal, de formatos e dimensões relativamente regulares, porém de uma diversidade que condiz com as diferenças culturais existentes. De fabrico antigo ou moderno, a sua prevalência social torna também visível a identidade existente entre os homens.

    Os tijolos produzidos no Telheiro da Encosta do Castelo, Montemor-o-Novo, são de influência medieval, proveniente ainda da tradição romana e bizantina[1]. De uma constituição arenosa, feitos de uma pasta de argila, terra e água, numa consistência próxima à da lama, os tijolos apresentam aspecto maciço e evidenciam a manufactura artesanal, pelas marcas da mão inscritas na superfície. Sendo de produção antiga, os tijolos têm também a característica de fazerem parte da imagem das construções vernaculares do Alentejo. No entanto, a propósito dos cruzamentos disciplinares desenrolados pelas Oficinas do Convento e o contexto artístico onde se insere a associação, pretende-se fomentar a utilização do tijolo na criação artística e valorizar os recursos existentes no Telheiro da Encosta do Castelo, quer no âmbito da produção de materiais de construção, quer no âmbito do apoio à criação artística, propondo assim a realização de residências na área artística que tenham o tijolo como base para a criação.

     

    Aqui, o tijolo, além de poder ser pensado na sua dimensão mais imediata — objectual e construtiva — evidenciando aspectos de produção, formação, conformação ou aplicação, poderá ser considerado também na sua vertente poética, social, histórica ou cultural.

    Tais âmbitos de abordagem poderão ser explorados em diferentes linguagens da criação — escultura, instalação, vídeo, fotografia, desenho, entre outros — cruzando ou tocando casualmente as fronteiras da arquitectura e do design.

    Sem desmerecer ou preterir a elaboração de esculturas de índole objectual, no caso de projectos de maior escala, dar-se-á prioridade a propostas de carácter efémero, processual ou de índole colaborativa que resolvam, neste último caso, eventuais questões práticas da cidade.

    APRESENTAÇÃO BREVE

    O tijolo pode ser pensado e usado na sua dimensão mais imediata — objectual e construtiva — evidenciando aspectos de produção, formação, conformação ou aplicação ou ser considerado na sua vertente poética, social, histórica ou cultural, explorando a diversidade e as potencialidades formais e conceptuais do tijolo, através de diferentes linguagens da criação.

    Assim, este concurso destina-se a autores das seguintes áreas:

    • artes-plásticas: escultura e/ou pintura
    • arquitectura
    • cerâmica
    • desenho
    • design
    • escrita
    • fotografia
    • instalação
    • vídeo

    [1] FRÓIS, Virgínia, SILVA, Vasco Fernando Dias, Realibitação de um Telheiro em Montemor- o-

    Novo, In ArteTeoria, Revista do CIEBA – Centro de Investigação e de Estudos em Belas-Artes –

    Secção Francisco de Holanda, no 14/15, 2011/2012, Lisboa, p. 101.

    Regulamento

    Ficha de Inscrição

     

    EN//

    residencia-tijolo-2019-engBrick | Artistic Residencies

    Open Call for Artistic Residencies in Oficinas do Convento

    Last day for the applications is on the 15th of April 2019

    These Artistic Residencies are part of the program “Técnicas, Artes and Lugares”, the project,opens, once again, in 2019, an open call for Artistic Residencies in Oficinas do Convento having as a motto the Brick as a basis element for artistic creation.

    Contextualization

    Manufactured and used by all of the cultures in the world, the brick is a timeless object, with relatively regular formats and dimensions, nevertheless of a diversity that matches with the existing cultural differences. From old or new manufacture, its social prevalence gives visibility to the existing identity between men.

    The bricks produced in Telheiro da Encosta do Castelo, Montemor-o-Novo, are of medieval influence, stemmed from the roman and byzantine traditions. From a sandy composition, made from a clay paste, earth and water, in a consistency similar to the mud, the bricks present a solid aspect and highlight the manual manufacture by the hand marks on its surface. Being of old production, the bricks are also part of the vernacular constructions of Alentejo. Nevertheless, as a result of the disciplinary intersections developed by the Oficinas do Convento and its artistic context. It is investigated the use of brick in the artistic creation and to value the existent resources in Telheiro da Encosta do Castelo, in a material production context and as a support for the artistic creation.

    Such contexts of approach can be explored in different languages of creation – sculpture, installation, video, photography, drawing, and more – crossing or touching in a casual way the borders of architecture and design.

     

    Application Process

    The main aim of Brica-Artistic Residencies is to think and explore this product in its most immediate dimension – objective and constructive – highlighting the production aspects, formation, conformation or application, or in its poetical, social, historical or cultural aspect, exploring the diversity and the formal and conceptual potentialities of the brick, through different languages of creation.

    Therefore, this call is destined to artistic proposals in the following areas:

    • Plastic arts: sculpture and/or painting
    • Architecture
    • Ceramics
    • Drawing
    • Design
    • Writing
    • Photography
    • Installation
    • Video

    Regulation

    Application Form

     

    + informação
  • Exibição de “A Ilha do Preto” e “Matança” na Oficinas do Convento

    On: 01/02/2019
    In: Outros Eventos
    Views: 0
     Like

    Exibição dos filmes “A Ilha do Preto” e “Matança” de André Laranjinha na Oficinas do Convento

    4 de Janeiro | 18:30h

    Oficinas do Convento

     

    Ilha do Preto e Matanca A32

    No dia 4 de Janeiro, o realizador André Laranjinha exibe os seus dois filmes “A Ilha do Preto” e “Matança” na Oficinas do Convento, convidando todos os interessados a assistir.

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

    “A Ilha do Preto”

    A Ilha do Preto 01Sinopse: Fantasia rasante sobre um homem-ilha preto.

     

     

     

     

     

    “Matança”

    Matanca 01Sinopse: A tradição da matança do porco é ainda um importante meio de subsistência para uma parte da população açoriana.
    Originalmente, o ritual da “Matança” durava vários dias e envolvia toda uma comunidade. Hoje em dia, faz-se apenas durante o fim de semana e é sobretudo um evento familiar.
    O filme “Matança”, enquanto nos mostra como se mata e desmancha o animal, também nos indica que o futuro da tradição depende da sua constante adaptação ao presente: os alguidares de barro deram lugar aos de plástico e, em vez de se cantar ao desafio, ouve-se música pop na rádio.
    A avó, sentada no sofá a ver televisão, garante-nos que já se pode dar uma Matança à sua neta que ela faz tudo.

     

    + informação
  • Lançamento da TYRO na Oficinas do Convento

    On: 01/02/2019
    In: Exposições, Outros Eventos
    Views: 0
     Like

    Lançamento da obra “TYRO” na Oficinas do Convento

    19 de Janeiro 2019 | 16h

    Oficinas do Convento

     

    O CADA e a Oficinas do Convento têm o prazer de convidar para o lançamento da obra “TYRO”

     

    “TYRO” é um chatbot de inteligência artificial que tem uma mentalidade exageradamente polarizada apesar da sua natureza multidimensional. Desconcertante, claramente não-humano, conversa por escrito em inglês e está desenhado para ativar um espaço de experiência dentro da matriz homem-máquina.

     

    TYRO_imagem_para_lancamentotyro_postal-2--FINAL-002 + informação
  • Documentário “una piedra en el zapato” na Oficinas do Convento

    On: 12/06/2018
    In: Conversas, Outros Eventos
    Views: 0
     Like

    Apresentação do Documentário “una piedra en el zapato” na Oficinas do Convento

    7 Dezembro| 21:30h

    Oficinas do Convento

     

    cartelNo dia 7 de Dezembro, a Oficinas do Convento recebe a apresentação do documentário “una pedra en el zapato” de Julia Molterer às 21:30h, seguido de uma Conversa com o tema: México- um processo de autonomia feito por uma organização que luta pela defesa dos direitos indígenas e que em 2003 ocupou 300 ha de terra para desenvolver estruturas capazes de satisfazer as necessidades reais das comunidades.

    Sinopse do filme: Oaxaca, México: Na luta pela defesa dos direitos indígenas e os seus territórios,  CODEDI decide ocupar 300ha de terra em 2013 para responder às necessidades dos povos nas comunidades vizinhas.
    Por não querer a intervenção do estado nas suas  comunidades nem a invasão do capitalismo nos seus territórios, sofrem ataques continuamente.
    Desde o amor que têem à vida ganham forças para resistir e avançar no seu processo de autonomia.

    + informação
  • Magusto na Casa Branca

    On: 10/29/2018
    In: Outros Eventos
    Views: 0
     Like

    11 Novembro | A partir das 17h

    Casa Branca

     

    cartazDia 11 de Novembro, a Casa Branca enche-se de cores, sabores e animação para festejar o dia de S. Martinho.
    Vamos poder contar com dois concertos dos artistas Scorpions e Leo Middea, bem como uma Mesa Posta repleta de maravilhas.
    Contamos convosco!

    PROGRAMA:

    17h – Concerto Scorpions

    18h – Mesa Posta-Magusto/Conversa

    Convidamos todos a trazerem castanhas, vinho, doces, algo para grelhar, para partilhar e fazer desta Mesa Posta uma Mesa farta

    20:30h – Concerto Leo Middea

    + informação