OC na Bienal AnoZero’17

IMG_5604A Oficina de Tabique aconteceu nos passados dias 8,9 e 10 de Dezembro, no âmbito do projeto Speakers’ Garden da Bienal de Arte Contemporânea Anozero’17, com o objetivo de proporcionar um exercício construtivo de um objeto arquitetónico capaz de estabelecer um testemunho empírico das possibilidades oferecidas pelas técnicas de construção com materiais locais ou reaproveitados, em torno das várias declinações da técnica do tabique. Esta técnica, também conhecida no Brasil como taipa de mão ou pau-a-pique, consiste em armar uma estrutura de ripas de madeira ou bambu, que é posteriormente preenchida com uma mistura de terra. Esta técnica tem vindo a ser um valioso recurso construtivo, precisamente por permitir utilizar ou reutilizar recursos locais e de circunstância.

Esta oficina, gratuita e aberta a todos os interessados, ofereceu uma oportunidade única para os participantes aprofundarem os seus conhecimentos teóricos e prático na temática da construção em terra crua.

CRIAÇÃO
Tânia Teixeira (Oficinas do Convento) e Filipa Cabrita (Anozero’17)
LOCAL
Mosteiro de Santa Clara-a-Nova

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>